Transforme a sua vida em PURA....DIVERSÃO!!!

Transforme a sua vida em PURA....DIVERSÃO!!!
"Um dia sem rir é um dia desperdiçado". Charles Chaplin

Dê a tua opinião, por favor!

O que mais te diverte neste blog?
Charges
Piadas
Imagens engraçadas
Vídeos
Imagens Animadas
Tudo me diverte
Pura....Diversão Resultados

Esta turma sabe se divertir!

terça-feira, 31 de agosto de 2010

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Diferença entre o diário dele e o dela!


DIÁRIO DELA:

No domingo à noite, ele estava estranho. Saímos e fomos até um bar para tomar um drink.
A conversa não estava muito animada, de maneira que pensei em irmos a um lugar mais íntimo.
Fomos a um restaurante e ele ainda agindo de modo estranho.
Perguntei o que era, e ele disse que nada, que não era eu.
Mas não fiquei muito convencida.
No caminho para casa, no carro, disse-lhe que o amava muito e de toda sua importância.
Ele limitou-se a passar o braço por cima dos meus ombros.
Finalmente chegamos em casa e eu já estava pensando se ele iria me deixar!
Por isso tentei fazê-lo falar, mas sem me dar muita bola ligou a televisão, e sentou-se com um olhar distante que parecia estar me dizendo que estava tudo acabado entre nós.
Por fim, embora relutante, disse que ia me deitar.
Mais ou menos 10 minutos ele veio se deitar também e, para minha surpresa correspondeu aos meus avanços, e fizemos amor. Mas depois ele ainda parecia muito distraído e adormeceu.
Comecei a chorar, chorei até adormecer.
Já não sei o que fazer.
Tenho quase certeza que ele tem alguém e que a minha vida é um autêntico desastre.

DIÁRIO DELE:

O meu time perdeu. Fiquei chateado a noite toda.
Pelo menos dei umazinha.
Mas ainda tô puto… time de merda!!!!

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

sábado, 21 de agosto de 2010

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

E lá vem eles...



Cuidado com eles! Eles querem o teu voto e o que eles podem fazer no Brasil não é nada engraçado. Pense bem antes de votar!

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Célebres gafes em tribunais

São "piadas" retiradas do livro "Desordem no Tribunal".
São coisas que as pessoas realmente disseram e que foram transcritas
textualmente pelos taquígrafos, os quais tiveram que permanecer calmos enquanto estes diálogos aconteciam a sua frente. Vale a pena ler, são excelentes!!
_______________________________________________
Pergunta: Qual é a data do seu nascimento?
Resposta: 15 de julho.
P: Que ano?
R: Todo ano.
_______________________________________________
P: Essa doenca, a miastenia gravis, afeta sua memória?
R: Sim.
P: E de que modo ela afeta sua memória?
R: Eu esqueço das coisas.
P: Você esquece... Pode nos dar um exemplo de algo que você tenha esquecido?
________________________________________________
P: Que idade tem seu filho?
R: 38 ou 35, não me lembro.
P: Há quanto tempo ele mora com você?
R: Há 45 anos.
______________________________________________
P: Qual foi a primeira coisa que seu marido disse quando acordou naquela manhã?
R: Ele disse, "Onde estou, Betty?"
P: E por que você se aborreceu?
R: Meu nome é Susan.
_______________________________________________
P: Me diga, doutor... na verdade que, ao morrer no sono, a pessoa só saberá que morreu na manhã seguinte?
_______________________________________________
P: Seu filho mais novo, o de 20 anos...
R: Sim.
P: Que idade ele tem?
_______________________________________________
P: Sobre esta foto sua... o senhor estava presente quando ela foi tirada?
_______________________________________________
P: Então, a data de concepção do seu bebê foi 08 de agosto?
R: Sim, foi.
P: E o que você estava fazendo nesse dia?
_______________________________________________
P: Ela tinha 3 filhos, certo?
R: Certo.
P: Quantos eram meninos?
R: Nenhum.
P: E quantas eram meninas?
_______________________________________________
P: Sr. Wilson, por que acabou seu primeiro casamento?
R: Por morte do cônjuge.
P: E por morte de que cônjuge ele acabou?
_______________________________________________
P: Poderia descrever o suspeito?
R: Ele tinha estatura mediana e usava barba.
P: E era um homem ou uma mulher?
_______________________________________________
P: Doutor, quantas autópsias o senhor já realizou em pessoas mortas?
R: Todas as autópsias que fiz foram em pessoas mortas...
_______________________________________________
P: Aqui na corte, para cada pergunta que eu lhe fizer, sua resposta deve ser oral, ok?
P: Que escola voce frequenta?
R: Oral.
_______________________________________________
P: Doutor, o senhor se lembra da hora em que comecou a examinar o corpo da vítima?
R: Sim, a autópsia comecou às 20:30.
P: E o Sr. Dennis ja estava morto a essa hora?
R: Não... Ele estava sentado na maca, se perguntando porque eu estava fazendo aquela autópsia nele.
_______________________________________________
P: O senhor está qualificado para nos fornecer uma amostra de urina?
_______________________________________________
(Esta é a melhor!!)
P: Doutor, antes de fazer a autópsia, o senhor checou o pulso da vítima?
R: Não.
P: O senhor checou a pressão arterial?
R: Não.
P: O senhor checou a respiração?
R: Não.
P: Então, é possível que a vítima estivesse viva quando a autópsia começou?
R: Não.
P: Como o senhor pode ter essa certeza?
R: Porque o cérebro do paciente estava num jarro sobre a mesa.
P: Mas ele poderia estar vivo mesmo assim?
R: Sim... é possível que ele estivesse vivo e exercendo Direito em algum lugar!

domingo, 8 de agosto de 2010

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Poderá também gostar de:

Bornes relacionados com Miniaturas

Imagem criada por Sônia Silvino

Visitantes (desde 10.05.13):

Flag Counter

Clique na imagem e...

***